domingo, 17 de março de 2013

Bolsa de Turismo de Lisboa num formato mais realista

Um barco típico da Ria do Aveiro na entrada do recinto
da Feira Internacional de Lisboa
Palmas para Portugal, pela dose de realismo e modéstia que imprimiu à Bolsa de Turismo de Lisboa, em sua 25ª edição, de 27 de fevereiro a 3 de março, nos pavilhões da FIL, no Parque das Nações. Foi um ato de coerência e sensatez, considerando-se as dificuldades enfrentadas pela maioria dos países da zona do euro - e Portugal, de modo especial, suando muito para pagar os pesados encargos de sua dívida pública, e com a Troika (FMI, Banco Central Europeu e Comunidade Européia) a exigir da população um sacrifício adicional para economizar mais 4 bilhões de euros, sem ter como apertar mais o cinto. Tempos difíceis mesmo.
A Ilha da Madeira buscou valorizar suas flores e frutos tradicionais
No estande do Brasil, Fernando Dias e seu filho Daniel (Master Viagens)
Foi providencial a redução do tamanho da BTL. Em vez de ocupar os quatro pavilhões, como em outros anos, foram apenas três, e com bastante folga. Participantes certos de todas as edições anteriores, como os cassinos Estoril e Lisboa, desta vez ficaram de fora. Notou-se sensível redução de custos nos estandes das grandes redes hoteleiras (Vila Galé, Dom Pedro, Sana Hotéis, Vip, Olissipo, Altis, Pestana, Tivoli etc). Não se viu qualquer tipo de ostentação, e nem havia clima para isso.

O Pavilhão 1 concentrou as maiores atrações portuguesas, com destaque para Lisboa e Vale do Tejo; Arqiipélagos da Madeira e dos Açores; e grandes empreendimentos turísticos do Algarve, Alentejo, Norte de Portugal e outras regiões. As decorações dos estandes tiveram um toque de simplicidade. Destaque para a Madeira, que mostrou suas múltiplas cores e sabores, seus frutos,  vinhos e produtos naturais, exibidos  por um grupo de lindas moças vestidas em trajes típicos da ilha. 

O Pavilhão 1 concentrou a variada oferta turística de Portugal
No Pavilhão 3, destaque para a presença da TAP Portugal, transportadora oficial e fiel parceira da BTL em duas décadas e meia, também com um estande sem o gigantismo dos anteriores, mas com a presença de importantes executivos da transportadora aérea. Anexo, um guichê para remarcação de bilhetes e trocas de reservas. E ampla distribuição de material informativo, além da edição especial da revista UP sobre Moçambique, que foi mostrada em primeira mão aos visitantes do estande, antes de chegar a bordo de seus jatos.

Como sempre junto da TAP, o Brasil divulgou as 12 sedes da Copa do Mundo de 2014, de forma genérica. O gol de placa foi do Estado de São Paulo, cujo amplo estande teve a presença de 67 municípios, divulgando seu diversificado potencial turístico. De Minas Gerais, apenas a presença da  Master Viagens e operadora, com o fundador e diretor Fernando Dias e seu flho Daniel, mais o irmão Henrique Dias, diretor da Master em terras portuguesas. Novos pacotes estão sendo lançados, inclusive para especialistas em gastronomia e vinhos.


Sem qualquer oba-oba, a presença do Brasil também não teve aquele gigantismo que marcou outras BTLs. Os resultados finais da feira, durante quatro dias, mostram que as receitas turísticas vindas do exterior seguem sendo uma das apostas de Portugal para sair desta crise sem tamanho. Segundo Paulo Machado, diretor do Turismo de Portugal no Brasil, foram 500 mil visitantes de nosso país em 2012 e a tendência é de que o número se repita este ano, ou haja um pequeno crescimento.  

Argentina participou com destaque da 8ª Feira Minastur

Quando se escolhe mal o local de determinado evento, a providência natural é não repetir o erro no ano seguinte. Deixou muito a desejar o Espaço Galopeira, na Av. Teresa Cristina, no Barro Preto, onde foi montada a 8ª Feira Minastur, dia 6 de março. Experientes profissionais do turismo mineiro criticaram a limitação de espaço, a distribuição dos estandes, a dificuldade de locomoção  e outras falhas. Como se trata de um evento anual, já consolidado, espera-se uma melhor avaliação para definir a futura sede em 2014 e anos seguintes. A falta de mais espaços para este tipo de feira é uma das gritantes deficiências do turismo em Belo Horizonte.

Limitações à parte, a Argentina se esforçou e participou da exposição com destaque, representada pelas atrações turísticas de Mendoza, seus vinhos e programas de turismo de aventura; as estações de esqui preparadas para a próxima temporada de inverno no Cone Sul; e os novos voos e tarifas da Aerolineas Argentinas. O executivo Jaime Rios, do Inprotur, órgão oficial de promoção turística do país vizinho, veio participar do encontro, como coordenador para o mercado emissor do Brasil. Você pode recolher boas sugestões de viagens acessando o site www.argentina.travel

Dia 26, o evento Novas Fronteiras no Promenade Platinum

Em plena Semana Santa, mas fora dos feriados, vai acontecer na capital de Minas Gerais, no Promenade BH Platinum,  o evento Novas Fronteiras 2013, reunindo três pesos-pesados da aviação mundial (Emirates, Qatar Airways e Turkish Airlines) e uma famosa rede hoteleira do mundo árabe, Jumeirah Hotels. Uma delegação com representantes dessas empresas, tendo a colaboração da Avant Garde Premium Travel Brands, chega à cidade para este encontro. Já estão definidos os 50 privilegiados participantes deste programa de capacitação em venda de destinos turísticos exóticos. O workshop começa com café da manhã e vai das 8 às 12 horas, numa terça-feira, dia 26.

Esta idéia de reunir empresas com grande potencial no turismo mineiro visa divulgar tarifas aéreas especiais e pacotes de viagens organizados pelas três transportadoras do Oriente Médio e Ásia, e os hotéis de alta categoria da Jumeirah. Alguns deles parecem palácios. Como o nome sugere, o evento significa abrir novas fronteiras e canais de vendas para produtos destinados àqueles viajantes que não se importam em pagar mais, desde que tenham a garantia do luxo e exclusividade. 

O BH Platinum fica na Av. Olegário Maciel 1748, em Lourdes, junto ao Diamond Mall. Você pode conhecer melhor o produto acessando: www.agbrands.com.br/novasfronteiras

Nenhum comentário:

Postar um comentário